Entregas de mudas: uma aventura com muito aprendizado

Vocês sabem o que aconteceu na floresta neste fim de ano?

Além da chegada da tão esperava Primavera e o reflorescimento da flora, terminamos a entrega das mudas do Projeto “Florestas para Água”, foi uma grande viagem com muitas aventuras e descobertas!

Para começar a embarcar nesta jornada, a princípio, ajudamos o Fagner a separar as diversas mudas!!
Imaginem quantas espécies de mudas tivemos no viveiro em 2017?? 40? 50? Não, tivemos em torno de 67 espécies diferentes, e um total de 4.131 mudas foram doadas e 23 proprietários beneficiados!

Nesta missão de separarmos as mudas, além de mais fortes ,também conseguimos aprender a identificar várias plantas, além de Jussara, Embaúba, Araucaria, Pata de Vaca e adrago que eram as poucas que eu sabia! Aprendemos a graviola, sete castas, pitanga, abacate, ameixa, coco Jerivá, 3 espécies de Ingá, Quaresmeira,entre outras!

Começamos as entregas em Rosário da Limeira MG, onde a Secretaria de Agricultura forneceu uma caminhonete. Até visitamos uma fazenda na qual estava acontecendo um curso do SENAR sobre inseminação de vacas! Claro que aproveitamos a ocasião, e falamos sobre o curso que queremos fazer dos Plantadores de Àgua em meados de Fevereiro/Março. Muitos animaram, e passaram seus contatos.

Após isso, começamos as entregas em Belisário com a Kombi! Luiz, sempre o faz tudo, adapto a Kombi colocando bambus e madeiras para caber mais mudas. Coube umas 450 em cada viagem! Conhecemos várias pessoas lindas como seu Luiz Montino que contou muitas histórias da sua fazenda, como também do trabalho de recuperação da sua nascente, um homem de muita sabedoria.

Fomos também ao seu Dé, onde vimos algo que a muito tempo não víamos! Ele estava plantando arroz, muito interessante! Eu ainda nunca tinha visto ..se planta no brejo!

Visitamos também a família do Fabiano, que tem uma linda maritaca que fica solta, super comunicativa! Infelizmente, não foi desta vez que peguei ela!

E na casa do Zé Paulo, tivemos uma inesperada ajuda: o seu filhinho! Ele descarregou todos os tubetes!! Muito lindo, e desde de pequeno ja aprendendo a preservar.

Visitamos também seu Toninho e Maria José, um lindo casal! Foram eles que pediram 520 mudas! O que nos deixou imensamente feliz. Tomamos também um delicioso cafezinho. Estão trabalhando duro para recuperar a sua nascente.

Uma outra família que muito me marcou foi Edivaldo e sua família. È um assentamento com 8 familias, alguns parentes, outros amigos. Eles fazem um trabalho incrível de agroecologia, café com banana, mandioca,etc. Não usam veneno. São um grande exemplo! Eu não acreditei que existia algo tão lindo e ao mesmo tempo tão perto e eu nunca havia ouvido falar! Como eu disse para eles: sonho viver assim!

Robin que se prepare, pois ainda serei moradora dessa Graminha!!

Enfim, foi uma grande viagem de sabedoria, amor e muito aprendizado! Passamos a refletir mais, e ver que a felicidade realmente está nas coisas simples da vida. Vejo também que se cada um faz sua parte, conseguimos um mundo melhor. Como diria Mahatma Gandhi:

“Seja a mudança que você quer ver no mundo.”

0